"Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato...

Ou toca, ou não toca." (Clarice Lispector)
"Eu me recuso a ser sócio de qualquer clube que me aceite como sócio." (Grouxo Marx)
"Repara bem no que não digo." (Leminski)
"Meu epitáfio será: Nunca foi um bom exemplo, mas era gente boa" (Rita Lee)

I am not but I am

Minha foto
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
essa metamorfose ambulante...

domingo, 4 de abril de 2010

E se

Desejo um dia semear
isso o que eu sinto
Por ti
Por aí

Desejo poder mostrar livremente
algo lindo e decente

Eu sei, eu sinto
é isso, eu sei que é

Eu amo você,
eu amo você mais que 'cê' imagina
mais que você a mim.
Amo você mais que a nós duas

Quero espalhar por aí
esse Amor lindo e maravilhoso.
Vou espalhar pedaços de mim por aí

Vou me espalhar
Por você
vou semear paixões transitórias
e Amores de tirar o ar,
desses que marcam com sua essência assimilar

E se meu ar não entra para os pulmões, é porque te perdi e não sei viver sem você
não sei mais não,
não lembro como era d'antes de você
E se meu ar não entra para os pulmões, é porque não tem nada além desse Amor
que me faça semear-me n'outros campos
é porque não vejo nada além de você.



- Poema escrito ao som de Marisa Monte - Pelo Tempo Que Durar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário