"Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato...

Ou toca, ou não toca." (Clarice Lispector)
"Eu me recuso a ser sócio de qualquer clube que me aceite como sócio." (Grouxo Marx)
"Repara bem no que não digo." (Leminski)
"Meu epitáfio será: Nunca foi um bom exemplo, mas era gente boa" (Rita Lee)

I am not but I am

Minha foto
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
essa metamorfose ambulante...

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Again and again and again...


  Quantas vezes ainda vou ter que ouvir que é pra eu esquecer, deixar pra lá, coisas assim? Quantas vezes ainda vou perder horas de banho pensando nisso? Quantas vezes vou esquecer das coisas de tanto pensar nela? Quantas vezes vou sentir esses enjoos por causa de ciúme e tristeza? Quan... Eu disse que esse ano não será mais outro ano lamuriando sobre essa questão. E não será mesmo... Cortei um mal pela raiz e se for preciso corto outro. Corto quantos forem necessários cortar. Sinto enjoo e calafrio só de pensar nisso, mas não sei mais o que fazer. Nada adianta, nada é o suficiente. Eu não sou o suficiente.
  Preferia arrancar as minhas orelhas e os meus olhos a ouvir e ler essas reclamações e esse sofrimento. Preferia virar poeira. Quantas vezes ainda vou dizer que preferia sumir? Quantas vezes ainda vou sentir como se houvesse centenas de cacos de vidro atravessando o meu coração lentamente?
  Sofrer é cada vez mais uma virtude. Meu coração podre é um delinquente descarado que só gosta de quem não me quer, de quem não se importa comigo. Vou partir para a psicologia reversa, talvez as coisas mudem... Para a melhor, de preferência.


Dos mesmos produtores de ‘eu te amo!’, vem aí ‘tomei no cu!’

Nenhum comentário:

Postar um comentário